quarta-feira, 7 de abril de 2010

Dia do jornalista, e aí?

Então é dia do jornalista. E aí futuros jornalistas?

Será que o jornalismo está morrendo como bem explicou o professor Carlos Jahn no discurso de formatura da última turma de jornalismo que se formou pela Unisinos?

Não descordo. Porém fico com uma mensagem de um outro Carlos. Meu querido amigo e jornalista por formação, Carlos Hammes, que uma vez me disse: "Não somos jornalistas por conveniência. O sonho é meu, também pode ser nosso".

É para essa galera que tá na luta pra "chegar lá" um dia que presto minha homenagem! Fica a música do grande Martinho da Vila: "O pequeno burgês". Penso muito em talvez entrar com ela em minha formatura. Pois não vou desistir agora. Devo isso a meu pai. É minha grande dívida com ele. E o sonho é NOSSO sim!

Felicidade!
Passei no vestibular
Mas a faculdade
É particular
Particular!
Ela é particular
Particular!
Ela é particular...

Livros tão caros
Tanta taxa prá pagar
Meu dinheiro muito raro
Alguém teve que emprestar
O meu dinheiro
Alguém teve que emprestar
O meu dinheiro
Alguém teve que emprestar...

Morei no subúrbio
Andei de trem atrasado
Do trabalho ia prá aula
Sem jantar e bem cansado
Mas lá em casa
À meia-noite
Tinha sempre a me esperar
Um punhado de problemas
E criança prá criar...

Para criar!
Só criança prá criar
Para criar!
Só criança prá criar...

Mas felizmente
Eu consegui me formar
Mas da minha formatura
Não cheguei participar
Faltou dinheiro prá beca
E também pro meu anel
Nem o diretor careca
Entregou o meu papel...

O meu papel!
Meu canudo de papel
O meu papel!
Meu canudo de papel...

E depois de tantos anos
Só decepções, desenganos
Dizem que sou um burguês
Muito privilegiado
Mas burgueses são vocês
Eu não passo
De um pobre coitado
E quem quiser ser como eu
Vai ter é que penar um bocado
Um bom bocado!
Vai penar um bom bocado
Um bom bocado!
Vai penar um bom bocado
Um bom bocado!
Vai penar um bom bocado...

Um comentário:

Natália disse...

De burguês estamos longes. Mas de sonhadoras temos tudo. Lutar é preciso e isso sabemos MUITO BEM fazer. FORÇA NA PERUCA!